Segurança para a folia

Durante o Carnaval Belo Horizonte vai ter um esquema diferenciado de segurança. A Guarda Civil Municipal vai fazer rondas a pé, entre os foliões, e em carros e motos, além de contar com a Unidade de Segurança Preventiva, com captação de imagens da folia. Os agentes foram treinados para respeitar as minorias, como o público LGBT, e guardas bilíngües estão escalados para trabalhar. Entre as dicas de segurança para os foliões, é recomendável evitar a exposição excessiva do celular, não andar com grande quantidade de dinheiro e não levar garrafas de vidro para a rua, que podem virar armas em caso de brigas. A expectativa é de que a festa na capital atraia mais de 4 milhões e meio de pessoas."